Tags

, , , , , ,

FloresSe tem uma coisa que amo nesta vida são as festas. Encontrar pessoas queridas, comer, beber, dançar. Tem algo melhor? Mas como sou do tipo de pessoa mão na massa me divirto muito organizando e preparando cada detalhe. É aquela história de que o viajar é mais do que a viagem. Você passa um ano pensando detalhes e sonhando com uma festa de casamento que dura lá no máximo 6 ou 8 horas. Rios de dinheiro e parece que não durou mais do que 5 minutos. Acredito que quem curtiu os preparativos aproveitou muito mais. Mesmo que não goste de fazer nada no estilo DIY (Do It Yourself), só o fato de pensar e contratar terceiros já te deixa envolvido naquele clima de comemoração. Por isto que festa boa para mim é assim: tem que ter o antes. E é justamente nesta hora que deixo minha criatividade aflorar. E como minha mente vive nas nuvens não consigo colocar metade do que pensei em prática. Mas tá valendo e fica sempre arquivado para uma próxima.

Este ano resolvi comemorar meu aniversário com um jantar mexicano para alguns amigos. Me diverti muito no pré festa e na festa. E fiquei com uma vontade imensa de conhecer o México. Bem da verdade é que este ano não ia ter festa (já viu não ter festa aqui? risos). Minha irmã e meu marido estavam me fazendo desistir pois iriam me fazer uma pizzada surpresa. Para desgosto do meu marido, minha irmã acabou com o segredo pois me viu irredutível em desistir de comemorar. Com a idade e a maturidade a gente tem que se assumir. Então parei de dizer que não sou louca por festas. E depois que li sobre uma festa para celebrar a aquisição de cadeiras novas para sala de jantar me “chateei” por nunca ter dado uma festa sem motivo. Sim família, existe gente mais empolgada do que eu! Mas deixa estar que estou precisando de um lustre novo para minha sala. hohohoho

Por fim, por mais que meu marido seja o melhor pizzaiolo que eu conheça achamos que ficaria puxado fazer pizzada para mais de 20 pessoas. Assim sendo, sei lá por que motivo cai no tema mexicano e como já tinha feitos alguns jantares com esta maravilhosa comida me joguei neste mundo alegre e divertido.
Toda vez que escolho um tema entro no maravilhoso mundo da internet e vendo outras ideias vou criando e compondo as minhas. Há quem prefira escolher uma mesa de doces e tentar imitar. Nunca sai exatamente igual mesmo. Mas eu não tenho vontade de copiar nada assim por completo. Pelo contrário quanto mais exclusivo melhor. Pinço imagens sortidas e faço minha versão. No fim ficou decidido que na minha festa não poderiam faltar cactos, bigodes, sombreiros, Frida Kahlo e caveiras mexicanas. Aliás, me apaixonei pela maneira como os mexicanos celebram o “dia de los muertos”. A cultura é muito rica e divertida. Elementos decididos, temos que escolher as cores da festa. No meu pensamento inicial iria trabalhar com os tons da bandeira (vermelho, branco e verde). Mas em época de Copa achei melhor variar e deixar tudo muito colorido. Lancei mão das cores da bandeira juntamente com outros tons. E o resultado ficou mais vistoso.

Mesmo sendo um jantar para poucos eu faço questão da mesa de doces. Primeiro porque sou boleira (já viu festa de boleira sem bolo?), depois que tenho dois filhotes que amam cantar parabéns, e por último porque adoro decorar uma mesa. O bolo acaba sendo o elemento principal. A priori faria um trabalho colorido com glacê ou pasta americana. Com o tempo curto optei por um naked cake com flores amarelas e morangos. Amei o resultado. Bolo abaixo era da minha loja logicamente: a Mercearia Dona Boleira.

Naked Cake de ganache branco e frutas vermelhas

Naked Cake de ganache branco e frutas vermelhas

Como a festa não seria para crianças resolvi não usar balões e fiz várias pompons coloridos para pendurar atrás da mesa do bolo, no lustre e na escada. São super simples e rápidos de fazer e  podem ser feitos com antecedência se guardados com cuidado. Tem vários tutoriais pela internet mas dia destes prometo que posto um vídeo por aqui. Além das cores da bandeira usei roxo e amarelo e fiz alguns misturando três tons.

Pompom

Detalhes são muito importantes para dar unidade e vida a uma decoração. No lavabo cacto e a cor vermelha (que acabou sendo a mais utilizada) na toalha e nos vasos.

Verde e vermelho dos detalhes

Verde e vermelho dos detalhes

Na mesa de bebidas pimentas com vasos representando a bandeira do país.

Os vasos nas cores da bandeira mexicana

Os vasos nas cores da bandeira mexicana

Para mesa dos convidados usei toalhas e arranjo com flores coloridos, e deixei uma tigela decorada com bigode para os Doritos de aperitivo. Bigode feito em papel contact preto.

Tigela com bigode

Tigela com bigode

Aliás, sempre uso flores seja na mesa de doces, no buffet, na mesa de bebidas ou convidados. Para este evento usei vermelho, amarelo, rosa e laranja para a mesa dos convidados. Para a mesa do bolo abusei dos cactos e flores vermelhas e amarelas.

Flores

Na mesa de bebidas: chá, água, baldes com gelo para cerveja mexicana Sol, e claro a indispensável tequila juntamente com os apetrechos para fazer Margaritas. Fiz dois tipos de bigodes e uma sobrancelha estilo Frida em papel cartão e preguei em palitos de churrasco para os convidados que se animassem na hora das fotos.

Mesa de bebidas

Mesa de bebidas: bigodes nos copos e bigodes no palitos para convidados mais animados

Detalhes da mesa, almofada de caveira mexicana, quadro com dizeres: Keep Calm and Drink Tequila, além de um porta retrato com Frida Kahlo e a tequila com sombrero.

Keep Calm and Drink tequila

Keep Calm and Drink tequila

Frida Tequila de chapeu

Sempre me empolgo e compro itens para caprichar nos detalhes. O cacto porta palitos foi uma destas aquisições para festa. Os aperitivos também seguiam as cores da bandeira.

Amei meu novo porta palito!

Amei meu novo porta palito!

As taças próprias para Margaritas não podiam faltar. Já deixei algumas com a borda com sal.

Taças próprias para Margaritas

Taças próprias para Margaritas

No buffet: guacamole, tomate, alface e queijos picados para os tacos, pimentas variadas. Na decoração: pimentões, bigodes e cactos.

Buffet salgado 1

Para acompanhar o Nachos o Chilli feito em casa. Carne moída apimentada para os tacos e Fajitas de frango para comer com as tortillas. Tudo no réchaud para manter bem quente. Sour Cream tambémfoi caseiro e não faltaram molhos de pimentas vermelhas e verde. Receitas e quantidades vão ficar para o próximo post. Inclusive fiz um outro jantar mais intimo com maior variedade de pratos típicos.

IMG_6956

Os doces são um caso de amor à parte. Nesta festa optei pela tradicional mesa de bolo e portanto não tivemos sobremesas tradicionais mexicanas. Mas no outro jantar fiz uma que agradou muito. E ficarei devendo também esta receita. Mas para não perder a chance de caracterizar também os docinhos fiz um cupcake sabor churros com doce de leite que ficou divino.

Detalhe da plaquinha de lousa

Detalhe da plaquinha de lousa e tags no tema

Nos brigadeiros usei granulado vermelho e Tags com caveira mexicana. Haviam também beijinhos, cupcakes de chocolate e brigadeiro de paçoca (dei uma escorregada para a festa junina – risos).

Granulado e formas vermelhas e Tag de caveira mexicana

Granulado e formas vermelhas e Tag de caveira mexicana

Utilizei cerâmicas coloridas (à venda também na loja), toalha vermelha, flores e cactos. Haviam elementos amarelo, roxo, rosa mas predominavam o verde e sobretudo o vermelho.

IMG_6898 IMG_6901

Abaixo vejam a mesa completa. O que acharam?

DSC03038

DSC03026

Por fim, a música que rolava era mexicana (o grupo mexicano Maná e músicas folclóricas são ótima pedida). E na empolgação usei até um colorido vestido mexicano. Abaixo algumas fotos dos convidados entrando na brincadeira dos bigodes.

DSC03156 IMG_6920 IMG_7022 DSC03155 IMG_7041

Espero que aproveitem as dicas como eu curti a festa! Em breve posto as receitas!

Anúncios