Dizem que quando a gente conta ao mundo o que pretende fazer aumentamos, e muito, a chance daquilo acontecer. Acabamos por selar, com o mundo nosso confidente, uma promessa de que iremos nos empenhar ao máximo para alcançar nossas metas.

Sendo assim o blog pretende ajudar esta e outras heroínas a chegarem onde pretende. Um passo de cada vez, como deve ser, nos diz que antes de mais nada temos que descobrirem onde é lá. Estamos correndo e buscando sim… mas o que?

Viver em uma cidade grande, cheia de informação, confusa e deliciosa como a minha amada São Paulo  nos causa sensações assim. Estamos com pressa mesmo quando estamos de férias, estamos impacientes mesmo quando estamos adiantadas, estamos estressadas mesmo deitadas em uma banheira de água quente.

Agora relaxe, mergulhe, respire, reze, pense, esvazie sua mente e responda para você mesma. Onde quer estar daqui há 10, 15, 20 anos? Se já sabe bem a resposta está melhor do que eu mesma. E a felicidade mais plena você deixou para daqui há 15 anos?

E quantas vezes você parou para pensar que quando deus, o cosmo, o universo, a cegonha ou seja lá no que você acredite… nos enviou para a Terra não viemos com um contrato escrito, assinado e reconhecido em cartório por Deus nos dizendo que vamos viver até os 90 anos. Quem nunca perdeu alguém muito próximo não acredita de fato que a morte pode acontecer precocemente consigo mesmo ou com os seus.

Mas a verdade despida da vida é: parar morrer basta estar vivo. E não veja na minha afirmação, cara amiga, uma dose de pessimismo. Muito pelo contrário. Pensar assim faz com que busquemos que cada dia valha a pena. Que cada pessoa receba o nosso amor quando merecer. E faz com que preocupações pequenas não atrapalhem nossa alegria do dia.

Na linha de contar ao mundo o que pretendo para ser feliz agora eu vos digo. Busco no fundo da minha alma a felicidade pura e genuína dentro das minhas possibilidades. Em um momento em que eu possa satisfazer as várias mulheres que convivem em mim. Sem neuras e cobranças de perfeição. Para tanto se faz necessário um período de reclusão e reflexão. Será uma longa jornada e eu te convido a vir comigo.

Minha amiga boa viagem! E que na volta a sua bagagem volte mais leve do que foi.

Anúncios